HOTMART

Lomadee

TRADUTOR

segunda-feira, 13 de agosto de 2012

Os 5 tsunamis mais mortais da História


Material do Hypescience

Recentemente, em 25 de outubro, mais de cem pessoas morreram na Indonésia após um terremoto de 7,7 graus na escala Richter, que provocou um tsunami que atingiu as Ilhas Mentawai. No meio do Anel de Fogo da atividade sísmica, a Indonésia não é um cenário novo de desastres geológicos. Em 2004, o país foi o mais atingido pelo tsunami do Oceano Índico que matou cerca de 230.000 pessoas. Embora nenhum outro tsunami tenha chegado próximo a esse recorde, outras ondas gigantes causaram bastante destruição. Confira cinco delas:
1) KRAKATAU, 1883
Número de mortos: 36.000
Causa: Erupção vulcânica
A explosão da ilha vulcânica Krakatau, ou Krakatoa, na Indonésia, em agosto de 1883 foi a pior erupção vulcânica da história da humanidade. A explosão foi audível na Austrália, tornando-se o som mais alto já ouvido pelos humanos. O fluxo do vulcão caiu no mar e a ilha entrou em colapso, gerando tsunamis de até 40 metros de altura. Os tsunamis foram registrados até na península Arábica, a 7.000 quilômetros de distância. Só em Java e Sumatra, as ondas lavaram 165 aldeias.
2) MAR DO SUL DA CHINA, 1782
Número de mortos: mais de 40.000
Causa: Terremoto
Não há muitos registros históricos desta catástrofe, mas um catálogo russo sobre tsunamis publicado em 1964 registrou que ele causou mais de 40.000 mortes em 1782, em Taiwan. Segundo este relatório, o tsunami inundou mais de 120 km de terra.
3) O GRANDE TERREMOTO E TSUNAMI DE LISBOA, 1755
Número de mortos: 60.000
Causa: Terremoto submarino
Em novembro de 1755, um terremoto no Atlântico atingiu o sudoeste de Portugal. Lisboa foi a cidade mais atingida pelo terremoto, seguido de um incêndio. Enquanto isso, o terremoto também provocou tsunamis que destruíram cidades costeiras em Portugal, Espanha e Marrocos. Estima-se que as ondas tinham 6 metros. Segundo relatos, o tsunami foi de Lisboa até o rio Tejo, onde ele se levantou como se fosse como uma montanha. Ele correu em direção à costa com tal impetuosidade, que todos os cidadãos imediatamente fugiram para tentar salvar as suas vidas. Muitos foram efetivamente varridos, e o resto ficou submerso até a cintura mesmo estando a uma boa distância das margens.
4) A ERUPÇÃO MINÓICA, GRÉCIA ANTIGA
Número de mortos: 100 mil ou mais
Causa: Erupção vulcânica
Este foi o primeiro tsunami da história de que se tem registro. Por volta de 1.500 a.C., um vulcão submarino entrou em erupção na ilha mediterrânea de Thera, também chamada de Santorini. Embora o número exato de mortes nunca será conhecido, alguns pesquisadores acreditam que o tsunami pode ter anunciado o fim da próspera civilização minóica na ilha de Creta. Evidências geológicas sugerem que ondas de 15 metros inundaram a costa de Creta. A destruição e a instabilidade resultantes podem ter levado a protestos e revoltas contra a elite da ilha. O que se sabe é que, dentro de algumas gerações, a civilização minóica se desintegrou.
5) OCEANO ÍNDICO, 2004
Número de mortos: aproximadamente 226.000
Causa: Terremoto submarino
Esse número de mortos é o quarto maior causado por um terremoto e o maior já causado por um tsunami. Em 26 de dezembro de 2004, um terremoto atingiu a costa de Sumatra, na Indonésia. O terremoto, que ficou entre 9,1 e 9,3 na escala Richter, durou quase 10 minutos. O tsunami resultante aterrorizou os residentes litorais até a Somália. Quase 166 mil pessoas morreram somente na Indonésia. Mais de 35.000 morreram no Sri Lanka. Quase 2 milhões de pessoas foram deslocadas de suas casas na Índia, na Indonésia, no Sri Lanka, em Myanmar, na Tailândia, nas Maldivas e no leste da África. [LiveScience]
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nenhum comentário:

Postar um comentário