HOTMART

Lomadee

TRADUTOR

segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Questões de Genética II - Parte 3


pergunta:A hemofilia é uma doença recessiva ligada ao sexo, que se caracteriza pela dificuldade de coagulação do sangue.
Em um casal em que a mulher é heterozigota para a hemofilia e o marido é normal, a probabilidade de nascimento de uma criança do sexo masculino e hemofílica é a) 1/2.
b) 1/3.
c) 1/4.
d) 1/8.
e) 3/4.


resposta:C


pergunta:Temos a seguir, células do mesmo tecido. 
tecido sanguíneo e linfático 
Sobre estas células e seu tecido, é ERRADO afirmar que: 


a) a célula "b" é um leucócito, cuja função principal é a defesa do organismo. 
b) são células do tecido sangüíneo e são produzidas em órgãos como o fígado e o baço. 
c) a célula "a" é uma hemácia, que apresenta pigmento respiratório, principal responsável pelo transporte de oxigênio. 
d) a anemia e a hemofilia são doenças caracterizadas por alterações no funcionamento desse tecido. 
e) a linfa é um tecido semelhante, com funções principais de transporte de lipídios e defesa, porém não apresenta a célula "a".

resposta:B

ergunta:A hemofilia é causada por um gene recessivo (h) localizado no cromossomo X. Se, numa determinada população, um homem em 25.000 é hemofílico, a freqüência do gene h nessa população é 
a) 1/500 
b) 1/12.500 
c) 1/25.000 
d) 1/50.000 
e) 1/100.000

resposta:C

pergunta:No homem, o gene (h) para hemofilia está localizado no cromossoma X e é recessivo em relação ao gene (h+) para coagulação normal do sangue. Com base nesta informação, é correto afirmar:
(01) Um homem hemofílico, casado com uma mulher homozigota normal, terá 50% de seus filhos afetados, independentemente do sexo.
(02) Uma mulher, filha de um indivíduo hemofílico, certamente será hemofílica.
(04) Um homem hemofílico, casado com uma mulher homozigota normal, terá todos os seus filhos normais, independentemente do sexo.
(08) Um homem hemofílico teve uma filha normal. A probabilidade desta mulher ter uma criança do sexo masculino e hemofílico é igual a 1/4.

Soma = ( )

resposta:04 + 08 = 12

pergunta:"Tem sido verificado que aproximadamente 25% dos casos de hemofilia A em meninos são decorrentes de mutações novas, isto é, a doença se manifesta em meninos que não tem história familiar de hemofilia."
(Handin R.I., BLOOD AND PRACTICE OF HEMATOLOGY, 1955)

Quando nos debruçamos sobre a hemofilia, aprendemos que ela é mais comum nos homens porque:
a) os homens são mais propensos à doença devido à influência do hormônio testosterona.
b) sendo uma herança ligada ao sexo, é suficiente nos homens apenas um alelo para que a doença se manifeste.
c) mulheres hemofílicas precisam de dois alelos dominantes, ao passo que os homens só necessitam de um alelo.
d) mulheres hemofílicas morrem nos primeiros sangramentos menstruais.
e) é causada por um alelo típico do cromossoma Y, que é masculinizante.

resposta:[B]

pergunta:Na espécie humana, o genótipo para hemofilia XHY fenotipicamente representa:
a) homem normal
b) homem hemofílico
c) mulher normal
d) mulher hemofílica
e) homem normal, porém portador

resposta:[A]

pergunta:Com base nos estudos de Genética, é correto afirmar que:
(01) Uma planta de sementes brancas, autofecundada, será heterozigota para o caráter se entre os seus descendentes aparecerem alguns com sementes amarelas e outros com sementes brancas.
(02) Uma mulher do grupo sangüíneo A cuja mãe é do grupo O, casando-se com um homem doador-universal, terá filhos apenas do grupo sangüíneo O.
(04) Indivíduos heterozigotos para duas características produzem quatro tipos de gametas.
(08) Na interação gênica, ou polimeria, os genes de um par agem combinando-se com outro par (ou outros pares), a fim de condicionar um determinado fenótipo.
(16) Sendo a hemofilia uma anomalia condicionada por um gene recessivo ligado ao sexo, uma criança hemofílica nascida de pais normais só poderá ser do sexo feminino.

Soma ( )

resposta:01 + 08 = 09

pergunta:A hemofilia é causada por um gene recessivo (h) localizado no cromossomo X. Se, numa determinada população, um homem em 25.000 é hemofílico, a freqüência do gene h nessa população é
a) 1/500
b) 1/12.500
c) 1/25.000
d) 1/50.000
e) 1/100.000

resposta:[C]

pergunta:Um casal tem uma criança de sexo masculino e hemofílica. É correto afirmar, com certeza, que:
a) o pai é normal.
b) o pai é normal e a mãe é hemofílica.
c) o pai e a mãe são hemofílicos.
d) ela recebeu da mãe o gene para a hemofilia.
e) se ela tiver um irmão, este será hemofílico também.

resposta:[D]

pergunta:Considere as seguintes afirmações sobre uma mulher hemofílica:

I- seu pai é hemofílico.
II- sua mãe possui um gene para a hemofilia.
III- sua avó paterna NÃO apresenta o gene para a hemofilia.

Sabendo-se que o gene em questão é recessivo e ligado ao sexo, e excluindo-se a possibilidade de mutação, é possível considerar que APENAS
a) I é verdadeira.
b) II é verdadeira.
c) III é verdadeira.
d) I e II são verdadeiras.
e) I e III são verdadeiras.

resposta:[D]

pergunta:Considere as seguintes afirmações sobre uma mulher hemofílica:

I- seu pai é hemofílico.
II- sua mãe possui um gene para a hemofilia.
III- sua avó paterna NÃO apresenta o gene para a hemofilia.

Sabendo-se que o gene em questão é recessivo e ligado ao sexo, e excluindo-se a possibilidade de mutação, é possível considerar que APENAS
a) I é verdadeira.
b) II é verdadeira.
c) III é verdadeira.
d) I e II são verdadeiras.
e) I e III são verdadeiras.

resposta:[D]

pergunta:Um homem hemofílico e uma mulher daltônica tiveram um filho com síndrome de Klinefelter (47, XXY). Admitindo-se que o gameta anormal tenha sido produzido pela mulher, espera-se que esse filho do casal seja
a) normal, quanto à hemofilia e ao daltonismo.
b) daltônico e hemofílico.
c) daltônico ou hemofílico.
d) apenas hemofílico.
e) apenas daltônico.

resposta:[E]

pergunta:A capacidade de coagulação do sangue é muito reduzida nos portadores de hemofilia. Para os hemofílicos, um pequeno ferimento pode representar um grande risco. A proteína sangüínea que atua no processo de coagulação é o(a):
a) fibrinogênio.
b) pepsinogênio.
c) mucina.
d) heparina.
e) hemoglobina.

resposta:[A]pergunta:O gene recessivo h está localizado no cromossomo X e é responsável pela hemofilia na espécie humana. Com base nessas informações e nas contidas na árvore genealógica adiante, responda à seguinte pergunta: se a mulher 4 casar com um homem normal e seu primeiro filho for um menino hemofílico, qual é a probabilidade de que o próximo filho homem desse casal venha a ser hemofílico?

resposta:50%

ergunta:Meio-irmãos é o termo utilizado para designar os indivíduos que são irmãos só por parte de pai ou só por parte de mãe.
João e Pedro são meio-irmãos e ambos são daltônicos e hemofílicos. Seus genitores são normais.

Pode-se dizer que, mais provavelmente, João e Pedro sejam
a) filhos do mesmo pai, do qual herdaram os genes para daltonismo e hemofilia.
b) filhos da mesma mãe, da qual herdaram os genes para daltonismo e hemofilia.
c) filhos do mesmo pai, porém herdaram de suas respectivas mães os genes para daltonismo e hemofilia.
d) filhos da mesma mãe, porém herdaram de seus respectivos pais os genes para daltonismo e hemofilia.
e) portadores de novas mutações, ocorridas independentemente da herança materna ou paterna.

resposta:[B]

pergunta:Um casal não hemofílico teve um filho do sexo masculino com hemofilia. Indique a alternativa com a probabilidade desse casal ter uma filha hemofílica:
a) 0%
b) 25%
c) 50%
d) 75%
e) 100%

resposta:[A]

pergunta:Em relação aos cromossomos sexuais X e Y, são feitas as seguintes afirmações:

I - quando pareados, são exemplos de cromossomos homólogos;
II - características como a hemofilia, por exemplo, fazem parte do cromossomo X,
III - características como o daltonismo, por exemplo, estão associadas a genes do cromossomo Y.

Estão corretas as seguintes afirmações:
a) apenas I
b) apenas II
c) apenas III
d) apenas II e III
e) todas.

resposta:[B]

pergunta:Ao fazer um exame sangüíneo, um indivíduo constata em seu resultado que sua taxa de hemoglobina está mais baixa que o normal, e que sua taxa de açúcar está acima do nível considerado normal. Seu médico suspeitará imediatamente de que este indivíduo pode estar com as seguintes alterações metabólicas, respectivamente:
a) hemofilia e anemia.
b) anemia e diabetes.
c) leucemia e diabetes.
d) hipoglicemia e obesidade.
e) diabetes e hemofilia.

resposta:[B]

pergunta:Em um caso de disputa da paternidade de um menino hemofílico, estão envolvidos um homem que tem a doença e outro que não a tem.
(Hemofilia: herança recessiva ligada ao X)

Analise as afirmações abaixo a esse respeito.
I - As bases genéticas da hemofilia apoiam a paternidade do homem hemofílico.
II - O homem não hemofílico pode ser o pai do menino.
III - O homem hemofílico não pode ser o pai do menino.

Quais estão corretas?
a) Apenas I.
b) Apenas II.
c) Apenas III.
d) Apenas I e II.
e) Apenas II e III.

resposta:[B]

pergunta:O "dopping", baseado na injeção de hemácias extras, é basicamente natural. A vantagem deste "dopping" é relativa à função desempenhada pelas hemácias. Por outro lado, a menor concentração de hemácias no sangue indica um problema de saúde. Indique a opção que aponta, RESPECTIVAMENTE, a função das hemácias no sangue e a doença causada pela diminuição da quantidade dessas células.
a) Transporte de gases e hemofilia.
b) Transporte de nutrientes e hemofilia.
c) Transporte de gases e anemia.
d) Defesa imunológica e anemia.
e) Defesa imunológica e falta de imunidade.

resposta:[C]

pergunta:Uma criança do sexo masculino, que acaba de nascer, tem como pai um indivíduo que apresenta hemofilia e é normal com relação ao daltonismo. Sua mãe é portadora do gen para o daltonismo, mas não para o gen da hemofilia. Quanto a essa criança, podemos afirmar que:
a) tem 50% de chance de ser daltônica.
b) tem 50% de chance de ser hemofílica.
c) tem 25% de chance de ser hemofílica.
d) tem 75% de chance de ser daltônica.
e) não tem chance de ser daltônica.

resposta:[A]

pergunta:Um casal normal para a hemofilia - doença recessiva ligada ao cromossoma X - gerou quatro crianças: duas normais e duas hemofílicas. Considerando-se essas informações e outros conhecimentos sobre o assunto, é INCORRETO afirmar que
a) a mãe das crianças é heterozigótica para a hemofilia.
b) a probabilidade de esse casal ter outra criança hemofílica é de 25% .
c) as crianças do sexo feminino têm fenótipo normal.
d) o gene recessivo está presente no avô paterno das crianças.

resposta:[D]

pergunta:A hemofilia é uma anomalia caracterizada pela dificuldade na coagulação sangüínea e é determinada por um gene recessivo presente no cromossomo X. Um casal em que a mulher é normal para a hemofilia, porém filha de pai hemofílico, e o homem é normal para hemofilia, vai ter um filho. Qual a probabilidade de o casal ter um menino hemofílico?
a) 1/2.
b) 1/4.
c) 1/8.
d) 1/16.
e) 1.

resposta:[B]

pergunta:A hemofilia se caracteriza por ser uma doença:
a) adquirida, cujo sintoma é o excesso de açúcar no sangue e a falta de insulina.
b) hereditária, que causa problemas de coagulação sanguínea.
c) infecciosa, que causa problemas de coagulação sanguínea.
d) congênita, que causa má formação dos ossos.
e) contagiosa, causada por um vírus e transmitida por mosquitos.

resposta:[B]

pergunta:VÍTIMAS DE HIROSHIMA NO BRASIL SERÃO INDENIZADAS. Os três homens, que pediram para não ser identificados, vão receber US$ 24,7 mil, decidiu um tribunal japonês.
("Folha de S.Paulo", 09.02.2006)

Emília interessou-se pela notícia. Afinal, acreditava que seu único filho, Mário, portador de hemofilia do tipo A, a mais grave delas, era uma vítima indireta da radiação liberada pela bomba. Emília havia lido que a doença é genética, ligada ao sexo, e muito mais freqüente em homens que em mulheres.
O sogro de Emília, Sr. Shiguero, foi um dos sobreviventes da bomba de Hiroshima. Após a guerra, migrou para o Brasil, onde se casou e teve um filho, Takashi. Anos depois, o Sr. Shiguero faleceu de leucemia.
Emília, que não tem ascendência oriental, casou-se com Takashi e atribuía a doença de seu filho Mário à herança genética do avô Shiguero.
Depois da notícia do jornal, Emília passou a acreditar que seu filho talvez pudesse se beneficiar com alguma indenização. Sobre suas convicções quanto à origem da doença de Mário, pode-se dizer que Emília está

a) correta. Do mesmo modo como a radiação provocou a leucemia do Sr. Shiguero, também poderia ter provocado mutações nas células de seu tecido reprodutivo que, transmitidas à Takashi, e deste à se filho, provocaram a hemofilia de Mário.
b) correta. A hemofilia ocorre mais freqüentemente em homens, uma vez que é determinada por um alelo no cromossomo Y. Deste modo, Mário só pode ter herdado esse alelo de seu pai, que, por sua vez, o herdou do Sr. Shiguero.
c) apenas parcialmente correta. Como a hemofilia é um caráter recessivo e só se manifesta nos homozigotos para esse alelo, a doença de seu filho Mário é causada pela presença de um alelo herdado pela via paterna e por outro herdado pela via materna.
d) errada. Como a hemofilia é um caráter dominante, se seu filho Mário tivesse herdado o alelo do pai, que o teria herdado do Sr. Shiguero, todos seriam hemofílicos.
e) errada. É mais provável que a hemofilia de Mário seja determinada por um alelo herdado por via materna, ou que Mário seja portador de uma nova mutação sem qualquer relação com a radiação a que o Sr. Shiguero foi submetido.

resposta:[E]

pergunta:Responder à questão com base nas afirmativas a seguir, sobre doenças que acometem os humanos.

I. A cólera é causada por um protozoário.
II. A malária é causada por uma bactéria.
III. A AIDS é causa da por um vírus do tipo retrovírus.
IV. A hemofilia A é herdada geneticamente.

A alternativa que contém as afirmativas corretas é
a) I e II
b) I e III
c) II e III
d) II e IV
e) III e IV

resposta:[E]

pergunta:FALHAS NO ENSINO DE CIÊNCIAS

"ERROS EM LIVROS DIDÁTICOS AINDA PERSISTEM EM ESCOLAS DE MINAS E SÃO PAULO"
Nélio Bizzo

O autor, professor da Faculdade de Educação da USP, comenta em um dos seus artigos:

"... em alguns casos, podem-se perceber erro conceitual grave, preconceito e tautologia em uma única linha, como por exemplo: explique por que o homem não é portador de aneuploidias, mas apresenta a doença quando afetado."
BIZZO, Nélio. Rev. "CIÊNCIA HOJE". Abril 2000: n¡. 159. p. 26

Os casos de aneuploidias citados no texto incluíam daltonismo e hemofilia. Em função do comentário do professor, analise as afirmações abaixo:

I - daltonismo e hemofilia são alterações gênicas e não cromossômicas.
II - tanto o homem quanto a mulher podem ser portadores de aneuploidias.
III - o livro confunde herança ligada ao sexo com aneuploidias.

Pode-se afirmar que
a) I e II estão corretas.
b) I e III estão corretas.
c) II e III estão corretas.
d) I, II e III estão corretas.
e) I está correta.

resposta:[D]

pergunta:Os avanços da Engenharia Genética têm permitido o conhecimento mais amplo dos cromossomos.
Sobre este tema, analise os itens abaixo.

( ) O mapeamento gênico de um indivíduo permite informar se ele é portador ou não de genes causadores de doenças.
( ) O teste de paternidade com base no DNA deve ser realizado exclusivamente em indivíduos sem doenças sangüíneas, como a hemofilia.
( ) O Projeto Genoma visa a localizar, nos cromossomos humanos, todas as quebras provocadas pela radiação solar.
( ) O gene para produção de insulina no homem pode ser clonado em bactérias que passam a produzir este hormônio.

resposta:V F F V

pergunta:Em seres humanos, uma forma de daltonismo que provoca cegueira para as cores vermelho e verde, é determinada pelo gene recessivo d, ligado ao cromossomo X.
Ao consultar um médico, um casal fica sabendo que todos os seus filhos do sexo masculino serão daltônicos; já as meninas serão normais.
Qual das opções fenotípicas abaixo corresponde à do casal em questão?
a) Homem normal e mulher normal.
b) Homem normal e mulher daltônica.
c) Homem daltônico e mulher daltônica.
d) Homem daltônico e mulher normal.
e) Homem normal e mulher normal, porém portadora de gene recessivo d.


resposta:B

pergunta:O daltonismo é condicionado por um gene recessivo ligado ao sexo. Um homem normal casou-se com uma mulher daltônica. A probabilidade de terem um filho homem e normal é de:
a) 0
b) 1/4
c) 1/3
d) 1/2
e) 1

resposta:[A]

pergunta:Uma mulher, filha de pai normal e mãe portadora do gene para o daltonismo, casa-se com um homem daltônico e tem uma criança do sexo masculino e daltônica. É correto afirmar que:
a) essa mulher é daltônica.
b) essa mulher poderia ter uma irmã daltônica.
c) o filho dessa mulher herdou do seu pai o gene para o daltonismo.
d) o genótipo dessa mulher é igual ao de sua mãe.
e) essa mulher não poderá ter uma filha daltônica.

resposta:[D]pergunta:Por razões pouco conhecidas, durante a meiose pode ocorrer a não-disjunção de um determinado par de cromossomas, acarretando anomalias cromossomiais. Como exemplo de anomalia cromossomial autossômica temos:
a) mongolismo.
b) daltonismo.
c) hemofilia.
d) Síndrome de Turner.
e) Síndrome de Klinefelter.

resposta:[A]

pergunta:O gene que determina o daltonismo na espécie humana caracteriza o seguinte tipo de herança
a) autossômico dominante.
b) dominante ligado ao sexo.
c) autossômico recessivo.
d) recessivo ligado ao sexo.
e) interação gênica.

resposta:[D]pergunta:Um casal que possui visão normal para as cores, tem 3 filhos com as seguintes características:

- menina com visão normal para as cores;
- menino com visão normal para as cores;
- menino com daltonismo.

Sabendo-se que o daltonismo é uma herança ligada ao X, a possibilidade de esse casal ter uma filha com daltonismo é
a) zero.
b) 1/4.
c) 1/2.
d) 3/4.
e) 1.

resposta:[A]

pergunta:Um homem hemofílico e uma mulher daltônica tiveram um filho com síndrome de Klinefelter (47, XXY). Admitindo-se que o gameta anormal tenha sido produzido pela mulher, espera-se que esse filho do casal seja
a) normal, quanto à hemofilia e ao daltonismo.
b) daltônico e hemofílico.
c) daltônico ou hemofílico.
d) apenas hemofílico.
e) apenas daltônico.

resposta:[E]

pergunta:Um homem tem avó materna e pai com visão normal, e avô materno e mãe com daltonismo.
Assinale a alternativa correta quanto aos genótipos do homem e de seus avós maternos.
a) Homem - XdY, Avó - XDXd, Avô - XdY
b) Homem - XDY, Avó - XDXd, Avô - XdY
c) Homem - XdY, Avó - XDXd, Avô - XDY
d) Homem - XDY, Avó - XDXd, Avô - XDY
e) Homem - XdY, Avó - XdXd, Avô - XdY

resposta:[A]

pergunta:O gene recessivo d está localizado no cromossomo X e é responsável pelo daltonismo na espécie humana. Com base nessas informações e nas contidas na árvore genealógica adiante, responda à seguinte pergunta: se a mulher 5 se casar com um homem daltônico, qual é a probabilidade de que o próximo filho homem desse casal venha a ser daltônico?

resposta:1/4 ou 25%

Pergunta:O daltonismo é causado por um alelo recessivo de um gene localizado no cromossomo X. Em uma amostra representativa da população, entre 1000 homens analisados, 90 são daltônicos. Qual é a porcentagem esperada de mulheres daltônicas nessa população?
a) 0,81 %.
b) 4,5 %.
c) 9 %.
d) 16 %.
e) 83 %.

resposta:[A]

pergunta:Leia o texto a seguir referente à Hipótese de Lyon.

"A pesquisadora inglesa Mary Lyon propôs, em 1961, a hipótese de que fêmeas de mamíferos compensariam a dose dupla de genes do cromossomo X através da inativação de um desses cromossomos. Assim, as células femininas ficariam iguais às masculinas, que possuem apenas uma cópia funcional dos genes ligados ao cromossomo X. A inativação do cromossomo X ocorre ao acaso, independentemente dos genes que possuem, e nos blastômeros iniciais do desenvolvimento embrionário. Logo, as mulheres apresentam células geneticamente diferentes entre si, pois em algumas estão ativos os genes provenientes do cromossomo X materno e em outras do cromossomo X paterno. Mulheres heterozigotas para os genes ligados aos cromossomos X expressam o alelo dominante em algumas células e o alelo recessivo em outras."

Assinale a alternativa que confirma o texto anterior.
a) Algumas mulheres, heterozigotas para os grupos sanguíneos, são tipo A e B simultaneamente.
b) Algumas mulheres, heterozigotas para a cor do cabelo, são loiras e castanhas, simultaneamente.
c) Algumas mulheres, heterozigotas para o daltonismo (XD Xd), têm visão normal em um dos olhos e daltonismo no outro.
d) Algumas mulheres, heterozigotas para a cor da pele, têm manchas brancas e pretas, simultaneamente.
e) Algumas mulheres, heterozigotas para a cor dos olhos, têm um olho azul e outro castanho.

resposta:[C]

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Um comentário:

  1. Um casal normal para o daltonismo teve uma criança com síndrome de klinefelter (XXY) e daltonica. Pergunta-se: qual gameta foi o responsável pela síndrome? Justifique

    ResponderExcluir