HOTMART

Lomadee

TRADUTOR

domingo, 4 de março de 2012

Você sabe o que é o Abiu?

Abiu
Nome científico : Pouteria caimito
                  Abiú vem do tupi-guarani e significa Fruta com ponta. Fruto típico da região amazônica. Cresce espontaneamente na Amazônia, adaptando -se para cultivo nas regiões litorâneas do Oiapoque (AP) até Santos. Cultivada em quase todo o país, prefere solos profundos e humosos. Multiplica-se por sementes, produzindo 200 frutos por árvore, podendo atingir até 1.000 frutos.
                  Árvore frequentemente com até 10 metros de altura, tronco de casca áspera, copa densa e esgalhada.
                  Folhas lisas e brilhantes.
                  As flores são pequeninas, brancas com pétalas amarelo-avermelhadas e aparecem diretamente do tronco, nos ramos desnudados abaixo das folhas.
                  A forma da fruta difere bastante de uma variedade para outra, podendo ocorrer frutos inteiramente redondos, ovais e mesmo alongados, globoloso todos eles do tamanho aproximado de um ovo grande de galinha ou de pata. Sua superfície é lisa e contém uma polpa gelatinosa, branca ou amarelada, às vezes adocicada, às vezes sem sabor e, às vezes, para o prazer de muitos, dulcíssima. A polpa branca é mucilaginosa e muito doce, e envolve uma a quatro sementes lisas e pretas. Pode ser consumida ao natural ou como geléia.
                  Como fruta fresca, deve ser consumida exclusivamente quando estiver bem madura e amarela, pois, do contrário, sua casca libera um leite branco e viscoso que adere aos lábios, provocando uma sensação bastante desagradável. Por outro lado, esse mesmo látex e um outro - que sai da casca da árvore -são utilizados na produção de cola e de remédios caseiros.
                  A fruta é aproveitada quase sempre in natura podendo, porém, ser conservada até uma semana, quando refrigerada, ou então, processada como geléia.
                  Frutificação de janeiro a março.
                        Fonte: Arara

Abieiro


Como ler uma caixa taxonómicaAbiu
Abiu.jpg
Classificação científica
Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Magnoliopsida
Ordem: Ericales
Família: Sapotaceae
Género: Pouteria
Espécie: P. caimito
Nome binomial
Pouteria caimito
(Ruiz & Pav.) Radlk. 1882
Sinónimos
Achras caimito Ruiz & Pav. (basiônimo)
Achras guapeba Casar.
Guapeba brasiliensis Steud.
Guapeba caimito (Ruiz & Pav.) Pierre
Guapeba lasiocarpa (Mart.) Pierre
Guapeba laurifolia Gomes
Labatia caimito (Ruiz & Pav.) Mart.
Labatia lasiocarpa Mart.
Labatia reticulata Mart.
Lucuma caimito (Ruiz & Pav.) Roem. & Schult.
Lucuma huallagae Standl. ex L.O. Williams
Lucuma lasiocarpa (Mart.) A. DC.
Lucuma laurifolia (Gomes) A. DC.
Lucuma laurifolia var. reticulata (Mart.) A. DC.
Lucuma temare Kunth
Lucuma ternata Kunth
Pouteria caimito var. laurifolia (Gomes) Baehni
Pouteria lasiocarpa (Mart.) Radlk.
Pouteria laurifolia (Gomes) Radlk.
Pouteria leucophaea Baehni
Pouteria temare (Kunth) Aubrév.
Richardella temare (Kunth) Pierre
O abieiro, abiu, abiurana, abiurana-acariquara, abiorama, abio ou guapeva  (Pouteria caimito) é uma árvore frutífera da família Sapotaceae, nativa da Amazônia Central e da Mata Atlântica costeira do Brasil.
Descrita inicialmente como Achras caimito por Ruiz & Pav..

Características

A árvore é perenifólia, lactescente, com altura de 6 a 24 m.
As folhas, cartáceas, são glabras, dispostas na extremidade dos ramos, e medem de 5 a 20 cm de comprimento.
As inflorescências em fascículo ficam sobre os ramos finos, e as flores miúdas são perfumadas. Formam-se em dezembro-janeiro no sudeste.
Frutos e sementes
O seu fruto globoso ou elipsóide apresenta coloração amarela e algumas variedades apresentam várias estrias verdes que riscam o fruto no sentido longitudinal. Possui casca lisa, baga translúcida, branca ou amarela, mucilaginosa e doce; pode conter em seu interior de 1 a 4 sementes lisas e pretas. Amadurece entre maio e novembro.
Frutos
É consumido somente ao natural.
Apesar de todas as suas excelências e qualidades, o abieiro permanece, no Brasil, como árvore frutífera de quintal e de pomares não-comerciais.

Ocorrência

Na América do Sul: Bolívia, Brasil, Colômbia, Venezuela, Equador, Peru e as três Guianas.
No Brasil ocorre na Amazônia (Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Mato Grosso) e na mata Atlântica da costa de Pernambuco até o Rio de Janeiro.
Na América Central: Costa Rica, Nicarágua e Panamá.

Ligações externas

Lucuma caimito (Biblioteca Virtual do Estudante de Língua Portuguesa)

Fonte: Wikipédia 


Medicina popular

Abiu - O abiu é fruto do abieiro,uma árvore da família das Sapotáceas, a mesma família do quixaxá,tutiribá,sapoti etc.Originária do Peru, acha-se perfeitamente aclimatada em nosso país.

Utilidades Medicinais
Inflamações - Aplicar localmente cataplasma do azeite extraído das sementes.
Otite -  Pingar algumas gotas do azeite do caroço do abiu, morno, Infelizmente este azeite não é fácil achar no mercado.
Pulmões, doenças crônicas do - Fazer refeições com a polpa do abiu cozida em água e sal. Utilizar morno, inclusive o caldo, ao qual se pode adicionar mel. Este caldo com mel pode ser tomado ao longo do dia, às colheradas.
                        
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nenhum comentário:

Postar um comentário